Sociedades de Crédito Imobiliário: o que são e o que fazem?

Existem diversas formas para financiar e facilitar o acesso ao crédito imobiliário no Brasil e uma delas são as Sociedades de Crédito Imobiliário. Foram elas que permitiram a expansão do mercado imobiliário, graças a seu papel central nos financiamentos no país a partir da década de 1960, porém, elas mudaram bastante com o tempo. 

Atualmente, essas sociedades repassam recursos para financiar programas habitacionais importantes, como o conhecido Minha Casa Minha Vida. As SCI estão inseridas no Sistema brasileiro de Poupança e Empréstimos, no entanto, esse tipo de instituição difere de um banco ou uma empresa de empréstimos tradicional. 

Para você entender um pouco melhor sobre o assunto, a Nova Época Imóveiselaborou esse post para explicar como as Sociedades de Crédito Imobiliário funcionam e quais as formas práticas de financiar com o suporte delas, além de esclarecer algumas confusões, como sua relação com cooperativas de crédito. E para mais informações sobre o mercado imobiliário, não deixe de conferir os posts do nosso blog!

O que é Sociedade de Crédito Imobiliário?

A Sociedade de Crédito Imobiliário (SCI) é um tipo de instituição financeira especializada no financiamento imobiliário e habitacional. Ela tem duas funções principais: captar recursos e fornecer esses recursos para pessoas, na forma de crédito, para viabilizar a compra ou construção de um imóvel próprio. As SCI são sociedades anônimas e supervisionadas pelo Banco do Brasil, sujeitas as regras do banco.

As Sociedades de Crédito Imobiliário atuam nas áreas:

  • abertura de crédito para compra/construção de casa própria;
  • financiamento de capital de giro para empresas incorporadas, produtoras e distribuidoras de material de construção;
  • construção de habitações. 

Os recursos levantados pelas SCI ajudaram o mercado imobiliário a se desenvolver nos anos 1960 e as taxas de juros dos financiamentos apoiados por elas foram mais e mais subsidiadas com recursos federais. Foi com as SCI que cada vez mais pessoas conseguiram acesso à casa própria, graças ao acúmulo de recursos, que permitiu um aumento nos prazos de financiamento (hoje chegam a até 30 anos). 

Com o passar do tempo, nos anos 1980, as SCI passaram a repassar recursos para o Sistema Financeiro da Habitação (SFH), também conhecido como o sistema financeiro habitacional regulado pelo governo que populariza a modalidade. Desse modo, elas passaram a ter uma atuação mais focada e limitada, possibilitando operações específicas como o programa Minha Casa Minha Vida. 

Como funciona o crédito imobiliário pelas SCI?

Algumas das principais formas de captação de cada sociedade de crédito para disponibilizar financiamentos imobiliários incluem recursos do FGTS, de letras hipotecárias, das cadernetas de poupança, de depósitos interfinanceiros, de subsídios obtidos junto ao BNDES e de repasses de financiamento de fundos nacionais. Como dissemos antes, esses recursos são redirecionados para uso em programas habitacionais populares.

Na prática, a principal forma como funciona o crédito imobiliário quando você usa uma Sociedade de Crédito Imobiliário atualmente é através de programas habitacionais. Essa função já é exercida de maneira indireta desde a década de 1980, suplantada pelos bancos múltiplos. 

De fato, cada sociedade de crédito opera na área em que a instituição tem autorização, seguindo regras e normas específicas. Para o “Casa Verde e Amarela”, conhecido antigamente como Minha Casa Minha Vida, por exemplo, você pode usar o crédito levantado pelas SCI, fazendo intermediação com a construtora ou incorporadora, ou até mesmo diretamente com a Caixa Eletrônica Federal.

É possível fazer financiamento imobiliário pela sociedade de crédito?

Se você vai fazer um financiamento pelo SFH, é importante lembrar que uma Sociedade de Crédito Imobiliário simplesmente faz o repasse dos recursos, diferente de uma cooperativa de crédito, por exemplo, que é uma instituição financeira formada por um grupo de pessoas que se associam para prestar serviços financeiros exclusivamente para seus associados.

Apesar de as Sociedades de Crédito Imobiliário serem as principais responsáveis pelo crescimento do financiamento habitacional no país entre os anos 1960 e 1980, atualmente a concessão de financiamentos é feita por grandes bancos e instituições de crédito, como a Caixa Eletrônica, os Bancos do Brasil, Itaú, Bradesco e Santander. Os repasses das SCI são principalmente usados para financiamentos em bancos públicos, em especial a Caixa. 

Com essas informações, a Nova Época espera ter esclarecido o que são as Sociedades de Crédito Imobiliário e como elas funcionam. Lembre-se: antes de tomar qualquer decisão, seja para um financiamento ou para a compra de um imóvel, não deixe de fazer uma boa pesquisa sobre todos os pontos importantes desse processo, pois toda ajuda é necessária. E em caso de dúvidas não hesite em entrar em contato com um dos nossos associados, estamos aqui para te ajudar em todas as etapas desse processo!

 

 

Escrito por Mariana Carvalho 

Olá! Preencha os campos abaixo para iniciar a conversa no WhatsApp

Ao enviar, aceito a Política de Privacidade