Entenda como funciona o processo de passar ponto comercial e o que você precisa saber

É comum as pessoas em geral e até mesmo empresários confundirem os termos “passar o ponto” e “vender a empresa”. Porém, é fato que existe uma grande diferença entre essas duas expressões. A principal diferença entre a venda de uma empresa e o passe de um ponto está na finalidade da transação, no entanto, é necessário entender alguns aspectos e peculiaridades a respeito desses dois tipos de negócio.


Comércios e empresas passam por algumas transformações ao longo da sua história e muitas dessas mudanças envolvem a troca ou a saída do espaço físico, tornando muito comum a prática que conhecemos como passar o ponto comercial adiante. Porém, muitas pessoas pensam que quando um ponto comercial está sendo passado é porque o negócio não está indo bem, acumulando prejuízos ou déficits. Esse é apenas um dos motivos que possam justificar passar um ponto, porém não é o único.


Na maioria das vezes, um proprietário passa um ponto comercial porque os negócios não estão indo bem, porque encontraram uma nova oportunidade em uma empresa diferente ou porque está com planos de se mudar de cidade para mudar de ramo ou por conta de um membro da família que está com problemas de saúde ou pessoais. Independentemente do motivo para essa negociação ser efetuada, nada impede que os novos compradores consigam reverter a situação e transformar um empreendimento decadente em algo rentável e próspero. 


Para saber e entender quais os pontos mais relevantes dessa transação, conforme o que dispõe na Legislação Brasileira, evitando dores de cabeça e problemas futuros, a Nova Época Imóveis elaborou esse conteúdo com tudo o que você precisa saber sobre o assunto. Aqui vamos esclarecer informações tanto para quem passa o ponto como para quem pretende comprar um. Em caso de dúvidas ou para mais informações não deixe de entrar em contato com um dos nossos corretores!


O que é um ponto comercial?


Antes de mais nada, é importante falarmos sobre o conceito de ponto comercial. Entende-se por ponto comercial um lugar físico onde funciona um estabelecimento, juntamente com seus móveis e outros bens materiais. Ou seja, ele é o conjunto de bens corpóreos da loja ou empresa. É no ponto comercial que as atividades do empreendimento vão ser fundamentadas e exercidas. 


O ponto comercial, em conjunto com os bens incorpóreos, que compõem a parte imaterial do negócio, como a razão social, a expertise, o nome, entre outros, forma o que conhecemos como funcho de comércio. 


O que significa passar ponto?


Agora que entendemos o que é um ponto comercial, vamos entender o que significa passar o ponto comercial. Esse é o processo de transferir os bens corpóreos do local, em parte ou na sua totalidade. É possível passar apenas o lugar físico ou somar a ele a mobília, os equipamentos, os utensílios e os demais bens que compõem o estabelecimento, afinal, o novo proprietário pode ou não seguir o mesmo ramo de atuação do antigo dono.


Isso significa que tudo pode ser mantido da mesma forma, com nenhuma ou poucas alterações, o que é muito pertinente quando a compra é feita em um negócio próspero, que já tem certa tradição e uma clientela fiel que dá lucro. Pode acontecer, também, do lugar físico ser do interesse do novo proprietário e ele abrir um negócio em um ramo completamente diferente do anterior. Com isso, fica a critério dos envolvidos incluir na transação todos os bens corpóreos, parte deles ou apenas o local físico. 


Diferenças entre passar o ponto comercial e vender a empresa


Para compreender as diferenças entre passar o ponto comercial e vender a empresa, é importante entendermos a finalidade de cada transação. A venda, por exemplo, tem finalidade comercial e a passagem do ponto tem finalidade imobiliária. Por isso, antes de pensar em vender a empresa ou passar o ponto, identifique o que você de fato deseja passar adiante e qual a melhor opção para o seu caso. Aqui vamos falar sobre algumas diferenças entre esses dois processos e o tempo que você espera concluir essa transação. 


Vender a empresa


A venda de uma empresa ou ponto comercial é muito comum em outros países e no Brasil essa transação tem se tornado cada vez mais frequente também. Isso porque as vantagens de adquirir uma empresa já em operação são muitas. Quando uma empresa é colocada à venda, é possível negociar toda a estrutura física, contratos, estoque, ativos, marca, carteira de clientes e funcionários, ou seja, todos os elementos da empresa, para que ela continue operando.


Atualmente, muitas pessoas buscam maneiras mais rápidas de empreender através da compra de uma empresa em operação, aproveitando todas as vantagens já existentes e podendo fazer determinadas mudanças para melhorar ainda mais o negócio e torná-lo mais competitivo e lucrativo. Essas vantagens são os principais pontos de valor do negócio.


Além disso, existe ainda a chance de venda parcial da empresa, o que acontece quando o dono do negócio busca por um novo sócio ou quando algum sócio decide sair e vende sua parte. Nesse caso, a empresa também continua em plena operação. 


Passar o ponto comercial


No caso de um ponto comercial, mesmo que o imóvel não seja propriedade do dono do negócio, sendo alugado para fins comerciais, por exemplo, por lei ele tem o direito ao ponto comercial assegurado. Quando o proprietário decide passar o ponto comercial, a transação acontece de forma imobiliária. Ou seja, quem assume o ponto comercial não seguirá, necessariamente, com a operação da empresa que ocupava aquele espaço. 


Com isso, o novo dono pode mudar a estrutura, o nome e, muitas vezes, até mesmo o segmento de mercado em que a empresa vai atuar. Com isso, ao passar o ponto, o proprietário negocia o direito de explorar o ponto comercial, ou seja, o espaço físico. Por isso, ao passar o ponto comercial, o objeto transacionado é o ponto. Nesse caso, quanto mais valorizado ele for, maior será seu preço. 


Cuidados ao vender a empresa


Em geral, vender uma empresa é um processo mais lucrativo, no entanto, mais lento, se comparado a passagem de ponto. Isso porque para vender a empresa é preciso encontrar potenciais compradores e convencê-los das vantagens de comprar sua empresa ainda em operação, mostrando que a empresa tem futuro, viabilidade financeira e clientela, além de provar números e comprovar seu motivo de saída. 


No caso da venda, também é imprescindível manter o sigilo em relação à concorrentes e funcionários, que podem se sentir em risco e buscar novas oportunidades ou até mesmo apresentar resistência. Não esqueça de realizar a avaliação de empresas ao vender seu negócio, assim toda a negociação pode ocorrer com base no valor justo do negócio, sem sacrificar nenhuma das partes envolvidas. 


Cuidados ao passar o ponto comercial


Passar o ponto comercial pode ser mais simples e mais rápido do que vender a empresa, mas a negociação, nesse caso, tende a ocorrer a preços muito mais baixos, pois você está negociando apenas o ponto e é importante se preocupar com determinados fatores, como o que fazer com o estoque ou com a estrutura caso o novo dono queira somente o espaço e nada mais. Além disso, a necessidade de sigilo nesse caso é muito menor. 


Algumas variáveis ajudam a valorizar o ponto, sendo algumas delas, o tamanho do imóvel, a existência ou não de estacionamento, localização, o padrão construtivo, o tipo do ponto, valor do aluguel, valor de impostos, tempo restante de contrato, benfeitorias e reformas e tamanho da fachada. Nesse caso, o interessado deve aceitar assumir o contrato atual e toda a responsabilidade jurídica, além de pagar uma compensação financeira pelas benfeitorias realizadas e pela atividade do ponto que seu negócio ajudou a construir. 


Viu como existem opções mais vantajosas para se desfazer o seu negócio do que fechar? A Nova Época Imóveis espera que você tenha entendido como funciona o processo de passar um ponto comercial, em caso de dúvidas ou para mais informações entre em contato com um dos nossos corretores pelo nosso site ou pelas redes sociais
 

 

 

Escrito por Mariana Carvalho

Olá! Preencha os campos abaixo para iniciar a conversa no WhatsApp

Ao enviar, aceito a Política de Privacidade