Loft e kitnet: Qual a diferença?

Para quem está procurando um novo lar, conhecer as opções que o mercado imobiliário oferece é fundamental. Afinal, com a redução crescente dos espaços disponíveis, principalmente nos grandes centros urbanos, cada vez mais as construtoras buscam soluções criativas para os diversos tipos de público.

Os imóveis compactos, por sua vez, são perfeitos para uma gama cada vez maior de pessoas, entre solteiros, aposentados, estudantes ou jovens executivos. Nesse contexto, novos termos descritivos aparecem com frequência, ainda que muita gente não saiba bem o que significam.

 

O que é loft?

Se você gosta de assistir filmes e séries americanas com certeza já viu muitos lofts, mesmo sem saber. E não é para menos, porque os lofts surgiram justamente nos Estados Unidos e na Europa na década de 70.

Em Nova York, o bairro do Soho foi o que deu maior visibilidade a esse tipo de moradia, usada por pessoas ligadas principalmente às artes e à arquitetura. Portanto, não é à toa a ideia de o que é loft está associado a um jeito moderno e descolado de viver.

O conceito de loft, na verdade, começou com galpões de fábricas ou frigoríficos que foram convertidos para o uso residencial e profissional por esses artistas. O local passou a ser ao mesmo tempo casa e ateliê. E já dá para imaginar o que surge quando as duas coisas se misturam: o espaço ganhou em criatividade e bom gosto, sendo a paixão de quem é ligado em decoração.

 

Quais as características de um loft?

Como o espaço é originalmente comercial, o loft reúne algumas características bastante interessantes. As mais marcantes são a planta livre, com espaços totalmente integrados, e o pé direito duplo, de pelo menos 3,20 metros.

Mas a pegada industrial não para por aí. Amplas e altas aberturas para entrada da iluminação natural, instalações hidráulicas, elétricas e estruturais aparentes, materiais e texturas rústicas como ferro, tijolos maciços, concreto e madeira, também fazem parte do conceito.

Mas, como todo bom conceito, é claro que ele acabou se expandindo para além das construções originalmente comerciais, e hoje há muitos “loft-inspired” oferecidos no mercado. São imóveis já construídos para essa finalidade, inspirados nos lofts originais e geralmente 20% mais caros do que os apartamentos tradicionais.

 

Quais são os benefícios do loft?

Muito procurado por casais sem filhos e pessoas solteiras, geralmente o loft atende a um público mais jovem, em plena idade produtiva. É bom saber, no entanto, que há lofts de todos os tamanhos, ou seja, não há uma metragem específica que o caracterize.

Entre os benefícios do loft estão a praticidade e a sensação de liberdade. Por outro lado, como a entrada de luz natural é muito valorizada, ele também é uma opção mais sustentável, reduzindo o uso de energia elétrica. E, como as instalações são aparentes, qualquer reparo é mais fácil de ser feito, sem necessidade de quebra-quebra.

Muito funcional e prático, o loft é ideal para quem trabalha fora e não tem muito tempo para cuidar da casa. Os móveis, por sua vez, acabam tendo também a função de dividir os ambientes, já que não há paredes internas, apenas no banheiro. Mais do que um espaço, morar em um loft é um estilo de vida.

 

Quando vale a pena investir em um loft?

Talvez você já tenha percebido, mas o fator econômico não é o único a se considerar na hora de investir nesse tipo de imóvel. O loft é ideal, primeiramente, para quem prefira um espaço que passe a ideia de liberdade e esteja em busca de mais praticidade, por todos os motivos que citamos anteriormente. Se você se adéqua a esse perfil, então falta considerar a parte financeira.

 

O que é kitnet?

Mas, afinal, qual a diferença entre loft e kitnet? Um loft não pode ser uma kitnet? Na verdade, não, pois são imóveis bastante diferentes. Enquanto você já viu que o loft é um espaço inspirado nos antigos galpões, a kitnet é um apartamento tradicional, de apenas um cômodo e metragem de até 50 m². Elas também surgiram e foram bastante populares aqui no Brasil entre as décadas de 60 e 70, principalmente nos grandes centros urbanos.

Como o próprio nome já sugere, kitnet deriva de uma expressão em inglês que significa cozinha pequena. E a ideia é essa mesmo: um cômodo que serve de quarto e sala ao mesmo tempo, banheiro separado e uma cozinha diminuta, geralmente separada apenas por um balcão.

Apesar da estrutura simples, as kitnets voltaram a cair no gosto popular, sendo cada vez mais procuradas por quem quer morar sozinho. Com isso, o mercado está bastante diversificado, e hoje é possível encontrar de kitnets simples a unidades sofisticadas, já totalmente decoradas.

 

Quais são os benefícios de morar em kitnet?

O espaço é pequeno, mas as vantagens de morar em kitnet são grandes. Uma delas diz respeito diretamente ao bolso, já que quanto menor o espaço, menores também são os impostos ou o aluguel. A manutenção também é mais barata, o que faz com que a kitnet pese bem menos no orçamento do mês.

Em uma kitnet, você se torna um morador mais consciente. Quanto maior o espaço, maior também a tendência a acumular objetos. Você assume o lado “menos é mais” da vida, guardando apenas o essencial. Assim, no melhor estilo japonês minimalista, você se livra dos excessos da vida, ficando com o que realmente importa, encontrando mais felicidade, liberdade e satisfação. Seu consumo se torna mais consciente e você ainda acaba economizando mais no final do mês.

O espaço também oferece mais aconchego, já que quanto menor o imóvel, mais fácil de decorar. Aposte em uma decoração funcional, que permita várias atividades em cada objeto ou móvel. Assim você ganha em conforto e praticidade, mas com muita beleza e conforto.

 

Independentemente do imóvel que você escolher, entender o que é loft e o que é kitnet são elementos fundamentais que vão ajudar a nortear a sua busca e garantir que você tome a decisão mais acertada. Com essas informações em mente você poderá adequar o seu estilo de vida ao estilo da sua casa, garantindo muito mais satisfação com o lugar em que você vai morar.

 

 

 

 

 

 

Olá! Preencha os campos abaixo para iniciar a conversa no WhatsApp

Ao enviar, aceito a Política de Privacidade