Dicas indispensáveis para decorar seu imóvel com seu estilo

Decorar um imóvel não representa apenas acrescentar beleza estética ao lugar. A decoração vai além de somente expressar sua personalidade, ela também é sinônimo de conforto. Isso porque sentir-se em casa é estar aconchegado em um lugar que te dá sensação de bem-estar e cada dia é mais importante abraçar a ideia de ter um imóvel com uma decoração que reflita sua personalidade, principalmente com o tempo que passamos em casa aumentando por conta do trabalho remoto, que promete ficar.

Uma tendência de decoração contemporânea que tem se tornado cada vez maior é apostar na simplicidade. Com isso, você pode usar uma decoração mais plural no seu imóvel, ou seja, diversos tipos de móveis, objetos, cores de tinta e itens decorativos para transmitir a mensagem que você deseja. Essa tendência parece indicar o fim do excesso e a busca pela praticidade na decoração, com o uso de forma inteligente da tecnologia, deixando, assim, a decoração ainda mais funcional e sem exageros.

Buscar ideias e inspirações na hora de decorar seu imóvel é uma ótima ideia para te ajudar a organizar os cômodos com a sua personalidade e o seu estilo. Afinal, cada um tem sua preferência, seja ela seguir o estilo básico ou não, e na hora de decorar seu próprio imóvel não existe certo ou errado.

Existem vários estilos de decoração que podem te ajudar a criar seu imóvel decorado e para te ajudar a encontrar o estilo que melhor converse com a sua personalidade, a Nova Época Imóveis enumerou algumas dicas de decoração, além de te ajudar a entender por onde é mais indicado começar esse processo. Para mais dicas e informações sobre o mercado imobiliário, não deixe de conferir nosso blog!

Por onde começar a decorar seu imóvel?

Assim como boa parte das decisões que tomamos na vida, para decorar seu imóvel o primeiro passo que você deve tomar é olhar para dentro e se perguntar: do que eu gosto e não gosto? Qual de fato é o meu estilo?

Uma boca dica é checar seu guarda-roupa atrás de informações sobre si mesmo, assim, você pode entender seu estilo: clássico, moderno ou que prefere materiais naturais. Essas informações podem te ajudar a montar um imóvel com uma decoração mais rústica ou moderna, por exemplo.

Além de definir seu estilo, outro passo importante nesse processo, antes de começar a decorar o lugar, é fazer uma pesquisa detalhada e extensa na internet em busca de referências sobre um estilo de decoração específico, aquele com que você mais se identifica.

Visitar lojas especializadas em decoração de imóveis para observar os itens mais de perto também é uma ótima dica, assim, você pode conferir a qualidade dos materiais e se as peças que te interessaram na internet de fato são do jeito que você gostaria.

Um exemplo de decoração é a moderna, constituída por ornamentos, que podem ser encaixados onde você preferir, e formas majoritariamente retangulares. Os objetos decorativos nesse estilo remetem ao passado e esse estilo de decoração tem a preocupação de demonstrar luxo com o uso de madeiras valiosas.

Em contrapartida, na decoração minimalista, o conceito de menos é mais prevalece. Espaços minimalistas possuem poucos, porém bons móveis. O segredo desse estilo está na praticidade e na funcionalidade, que ganham destaque em todos os ambientes do lugar. Nesse caso, uma boa dica é parar para analisar o que você já tem pois, talvez seja melhor aproveitar essas coisas do que comprar mais, o que vai contra o conceito dessa decoração.

Dicas para decorar seu imóvel

Definir seu estilo de decoração é o primeiro e mais importante passo nesse processo, pois sem isso não é possível colocar sua personalidade do espaço. Abaixo listamos o passo a passo do que deve ser feito após definir qual estilo mais combina com você:

1. Tire todas as medidas necessárias

Todo projeto de decoração precisa de um estudo da planta do espaço para você poder planejar os móveis corretamente. Por isso, é necessário tirar todas as medidas de todos os cômodos da casa, incluindo a altura e a largura das paredes.

Alguns proprietários disponibilizam a planta baixa do imóvel, mas se esse não for seu caso, então você precisará de uma trena para tirar as medidas dos ambientes. Você também pode aproveitar esse pique para medir os móveis que você já possui e pensa em levar para o novo imóvel. Dessa forma você já saberá o que cabe e o que você pode se desfazer antes mesmo da mudança.

2. Defina uma tabela de cores para o imóvel

Como sabemos, existem três tipos de cores: as cores quentes, as cores frias e as cores neutras. É comum vermos esses tipos de cores juntos na moda, porém na decoração a tabela de cores precisa ser mais precisa. Isso porque o design de interiores tende a ser mais duradouro do que o universo da moda e as escolhas que você fizer ficarão no seu imóvel por, pelo menos, alguns bons meses.

É comum que todos os anos as principais marcas de tintas anunciem as cores do ano. Em uma lista, entram as cores que estarão em alta durante o ano e uma dica importante é ficar de olho nessa lista para seguir tendências e entender quais cores se complementam melhor.

Renovar o visual do seu imóvel não depende somente da pintura, pois também é possível fazê-lo com papéis de parede. Mas cuidado, pois a estampa do papel de parede deve combinar com o resto da decoração e as outras texturas do ambiente, dando preferência a mesma categoria de cores.

3. Use plantas na decoração

Trazer um pouco de natureza para dentro de casa é importante especialmente para quem mora nos grandes centros. Isso porque um apartamento decorado com plantas pode se tornar um refúgio de bem-estar em meio ao caos urbano. Ter sua sala decorada com plantas é um bom exemplo de como deixar o clima do imóvel sempre fresco e aconchegante, perfeito para relaxar.

O estilo urban jungle é uma tendência que vem crescendo no mundo todo. Como o nome mesmo diz, esse estilo leva um pedaço da floresta para dentro do seu apartamento, além de ser versátil e uma ótima opção para repaginar o ambiente sem gastar muito.

4. Iluminação é essencial

Ter um ambiente bem iluminado é a chave para que seu imóvel esteja sempre com uma boa energia. Os lustres da sua casa são mais que apenas decoração, um bom projeto de luz prevê uma boa eficiência energética das luminárias, garantindo ainda conforto visual. Mas tenha cuidado pois, cada cômodo deve ser iluminado com tons diferentes.

Investir em tons quentes para a sala de estar, por exemplo, é uma boa dica já que é o cômodo mais usado na hora de receber visitas e esses tons tornam o ambiente ainda mais aconchegante para todos. Também vale apostar no uso de abajures tanto na sala quanto no quarto, especialmente na hora de montar um cantinho de leitura.

5. Contrate ajuda de um profissional

Caso você não queira fazer a decoração do seu imóvel sozinho, é uma opção pensar em contratar ajuda profissional. As vantagens de contratar um designer de interiores ou um arquiteto para te ajudar a decorar o imóvel e deixá-lo com a sua personalidade tem muitas vantagens: o profissional ficará encarregado de tirar as medidas, montar um projeto de decoração, fazer a planta do apartamento e, caso o cliente deseje, realizar a compra de todos os materiais e objetos decorativos.

A ajuda de um profissional também pode te ajudar a fazer um projeto mais detalhado e personalizado, afinal essas são escolhas importantes e ter uma mãozinha de um profissional no assunto pode te ajudar a ser mais certeiro na decoração.

Com essas dicas, a Nova Época espera te ajudar com a decoração do seu novo imóvel, tornando o processo mais prático e rápido. Em caso de dúvidas, não deixe de consultar um dos nossos associados!