Entenda o que você deve observar para saber o valor de um imóvel antes de comprá-lo

A compra de um imóvel é um dos maiores investimentos que você fará na vida, afinal, um grande capital será investido. Para se assegurar de que você está pagando um valor justo pelo imóvel, cuidado essencial para a garantia de um bom negócio, seja no caso da compra para moradia ou somente para investimento, é fundamental que você faça uma avaliação imobiliária prévia. 


Porém, avaliar um imóvel não é tão simples quanto algumas pessoas acreditam. Isso porque é preciso fazer uma análise aprofundada e isso vai adquirir certo conhecimento do mercado imobiliário, nem que seja o básico. Essa é a maneira mais segura e correta de ter certeza que o imóvel será precificado da melhor maneira, o que vai te ajudar a evitar prejuízos financeiros. 


Sabemos que a compra de um imóvel próprio é a concretização de um sonho, além de ser um dos momentos mais especiais na vida. Por isso, todo cuidado é pouco para ter a certeza de que esse momento vai ser especial e não vai trazer dores de cabeça futuras. Você está à procura de um imóvel e quer se certificar de que a compra será justa e segura? Esse post pode te ajudar muito!


A Nova Época Imóveis preparou um conteúdo simples, mas que vai te ajudar muito na hora de avaliar se o preço do imóvel que você gostou está de acordo não só com o mercado, mas com o imóvel em si e suas condições. Além disso, vamos falar um pouco mais sobre a importância de avaliar um imóvel antes de investir no seu, dessa forma, você pode entender melhor o porquê de todo esse processo. E se você está procurando por um imóvel, seja para morar ou para investir, não deixe de falar com um dos nossos corretores, eles estão à disposição para te ajudar a tornar esse processo mais tranquilo e seguro para você! 


Afinal, qual a importância de conhecer os critérios de avaliação de um imóvel?


Antes de listarmos quais critérios você deve usar para avaliar se o preço de um imóvel é justo, é importante apontarmos porque esse processo é importante. Conhecer os fatores que definem o valor de um imóvel torna as negociações mais seguras e justas para todos os lados envolvidos nessa transação. É importante para quem investe ter a certeza de que seu dinheiro está bem aplicado, especialmente quando ele será destinado à compra da casa própria. 


Dessa forma, entender os fatores que levam a valorização de determinado imóvel pode te ajudar na hora da escolha e da negociação com o proprietário. Ter essa noção é importante para entendermos porque, em muitas situações, um imóvel com uma metragem menor pode ter um valor maior no mercado. Isso acontece porque existem muitos critérios de avaliação de um imóvel que não se limitam apenas ao seu tamanho, mas também à sua localização, sua infraestrutura, o que ele oferece e qualquer outra característica que possa agregar valor. 


Quais fatores pesam mais no valor de um imóvel?


1. Localização do imóvel


O primeiro fator da nossa lista é um dos motivos mais importantes de valorização de imóveis e uma das maiores influências sobre os preços praticados: a localização do imóvel. Esse é um fator importante, principalmente para a valorização dos imóveis, porque as facilidades dispostas nas redondezas do imóvel podem torná-lo uma boa ou uma má opção. Por isso, é essencial observar alguns diferenciais para avaliar se o preço do imóvel é justo:

 

  • Boa oferta de transporte público, como estações de metrô, terminais de ônibus e pontos de táxi;
  • Proximidade a comércios e serviços é um diferencial que atrai compradores;
  • Segurança na região do imóvel, afinal, regiões com histórico de violência tendem à desvalorização;
  • Poluição sonora, pois imóveis que ficam próximos a locais muito barulhentos também tende a desvalorizar;
  • Espaço de lazer e natureza, afinal, imóveis que oferecem uma boa qualidade de vida ganham pontos na valorização (uma vista privilegiada também entra nessa lista);
  • Infraestrutura, pois se localizar em uma região com boa pavimentação e um saneamento básico e eficaz são fatores com grande peso na valorização. 


2. Valor médio pago na região


Uma boa dica para avaliar se os preços dos imóveis cobrados por proprietários e imobiliárias na região onde você deseja comprar são justos é se informar sobre eles. Ou seja, procure fazer uma pesquisa pela região, consultando a vizinhança e os porteiros, que costumam estar inteirados sobre esses assuntos, das redondezas sobre os preços normalmente cobrados pelos imóveis ali. Consultas na internet, especialmente em portais de imobiliárias, também são uma forma de ter acesso a essas informações e ter mais segurança na sua transação.


Essa é uma dica que pode te ajudar a se proteger e a evitar investir em um imóvel superestimado, por exemplo, que acontece muitas vezes em compras por impulso ou sem muita pesquisa envolvida. Uma prévia pesquisa de preços sobre a região que te interessa pode evitar negócios malfeitos e arrependimentos ou prejuízos futuros. 


3. Estado de conservação do imóvel


Outro fator que influencia muito no preço dos imóveis é seu estado de conservação. Ou seja, imóveis mais bem conservados, com a pintura boa e com todos os seus sistemas funcionando perfeitamente bem costumam ser mais valorizados do que aqueles que apresentam alguma coisa que precisará de reparo ou de uma obra, afinal, ninguém quer comprar um imóvel e, de início, já ter que bancar e encarar uma obra.


Por conta disso, é imprescindível que, antes de escolher o imóvel que melhor se encaixa nas suas necessidades e objetivos, você verifique tudo, infiltrações, vazamentos, pisos, pintura, sistema elétrico e hidráulico e qualquer outro fator que possa evitar uma dor de cabeça futura. 


4. Tamanho do imóvel


Até aqui deu para perceber que qualquer informação é essencial para fazer uma compra boa e segura. A configuração de uma unidade residencial é outro fator de grande relevância na valorização do lugar, tendo o número de quartos um grande peso nisso, especialmente no caso de famílias com crianças. Espaços maiores serão, certamente, mais valorizados por garantir mais conforto. 


Além disso, um condomínio com uma boa infraestrutura, que oferece vaga na garagem, áreas de lazer e segurança nas áreas comuns são características que também fazem toda a diferença no valor, por atraírem mais o consumidor. 


5. Áreas de lazer do condomínio


Como dito acima, a área de lazer de um condomínio tem um grande peso sobre o preço final do imóvel. Isso porque, com a correria do dia a dia, ter uma área onde você possa se exercitar ou se distrair é um conforto e tanto. Além disso, um espaço rico para as crianças brincarem também atrai muitos compradores. Logo, atualmente, um condomínio com áreas de lazer representa um fator importante de valorização.


Isso justifica os novos empreendimentos imobiliários investindo mais nessa questão com novos lançamentos que oferecem áreas de lazer aos moradores, como piscina, churrasqueira, academia, brinquedoteca, salas de estudo/trabalho, entre outras. 


6. Documentação do imóvel


Outro fator muito importante a ser observado na hora da compra de um imóvel, e para sua valorização, é sua documentação. Isso porque um imóvel com toda a documentação em dia, livre de qualquer processo de inventário e sem pendências na prefeitura recebe muitos pontos positivos na hora das negociações. 


Por conta disso, é imprescindível verificar todas essas questões antes de fechar o negócio, uma vez que podem comprometer negativamente o processo de compra e venda de uma unidade residencial, além de poderem prejudicar o comprador do imóvel no futuro. 


Gostou do nosso post? A Nova Época espera que ele te ajude na hora de avaliar se o preço de um imóvel que te interessa é o justo! E lembre-se: se você está procurando por um imóvel, não deixe de entrar em contato com um dos nossos corretores para conhecer tudo o que temos a oferecer! 
 

 

 

Escrito por Mariana Carvalho

Olá! Preencha os campos abaixo para iniciar a conversa no WhatsApp

Ao enviar, aceito a Política de Privacidade