Imóvel na beira da praia: dicas de como conservar seu apartamento

Morar perto da praia é o sonho de muitos, seja de aluguel ou comprando um imóvel, o importante é estar o mais perto do mar possível. Além da vista maravilhosa disponível diariamente, quem mora na frente da praia tem a vantagem de poder aproveitar o local e a paisagem para fazer caminhadas e outras atividades físicas que proporcionam mais saúde e qualidade de vida.

Porém, apesar dos benefícios que acompanham a experiência de morar ou alugar um imóvel no litoral, é preciso tomar muitos cuidados extra e eles devem ser ainda maiores do que os de um imóvel comum para manter o lugar sempre agradável. Afinal, quem já frequentou ou visitou mesmo que por uma vez um imóvel à beira mar sabe que é preciso lidar com o terror de todos que moram perto da praia: a maresia.

Mas calma, não precisa desistir desse sonho! Para ajudar aqueles que acabaram de comprar um imóvel na praia e quem está pensando em adquirir um, a Nova Época trouxe um compilado de dicas de como cuidar do seu imóvel e deixa-lo conservado, sem prejudicar ou perder móveis para a umidade, a maresia e outros fatores que podem contribuir para a rápida deterioração do lugar. E não deixe de conferir outras dicas ótimas no nosso blog! Lembre-se, em caso de dúvidas não hesite nos contatar!

Proteja sua mobília da maresia

Conhecido como o maior pesadelo de quem mora perto da praia por ser o principal responsável por atingir todo e qualquer tipo de material, muitas vezes corroendo objetos por completo, a maresia é um dos principais fatores responsáveis por diminuir a vida útil de móveis em cidades litorâneas. Portões, carros, eletrodomésticos, janelas, madeiras, tecidos, nada escapa da maresia. Por isso, é preciso ter alguns cuidados com seu imóvel à beira mar, além de redobrá-los.

A limpeza constante é um dos primeiros passos na lista de cuidados que você deve ter. Isso ajuda a tirar o sal das superfícies, evitando que a corrosão se espalhe. Os produtos usados na limpeza do lugar também fazem diferença, por isso o uso de lustra móveis, ou óleo de peroba em peças de madeira ajuda a protegê-los contra a maresia e conservá-los por mais tempo. Além disso, materiais como o vidro, acrílico e plástico suportam bem a maresia e podem ser usados em janelas, mobílias, armários e estantes com portas feitas de um desses materiais. Usar capas protetoras em eletrodomésticos e na mobília também é uma boa solução.

Já em casos de oxidação dos eletrodomésticos, quando em estágio inicial é possível lixar a área afetada e passar esmalte para impedir que a corrosão se espalhe. Em casos de estágio avançado de oxidação, é necessário a procura da ajuda de um profissional de manutenção. Em janelas e portões, é recomendado que se dê preferência ao aço inoxidável e alumínio. Além disso, é importante evitar que a pintura descasque, pois a aplicação de verniz ou revestimentos antioxidantes previne a corrosão.

Combata o mofo causado pela umidade

Calor e umidade são fatores tipicamente encontrados em cidades litorâneas e, assim como a maresia, afeta seu apartamento, a mobília e os eletrodomésticos. A umidade é o principal causador do surgimento de mofo e bolor nas paredes que, além de fazer prejudicar o imóvel, também fazem mal para a saúde, pois os fungos presentes neles podem se espalhar pelo ar e agravar casos de asma, transmitir bactérias e causar alergias respiratórias.

Para manter seu imóvel livre desse problema, além de manter uma rotina constante de limpeza, uma boa dica na hora de escolher um lugar é optar por espaços mais abertos e integrados com uma boa circulação de ar. Manter os cômodos bem iluminados e arejados também é essencial para manter o mofo longe do seu imóvel e, caso necessário, dê um “banho de sol” em móveis que tendem a puxar umidade, como colchões e almofadas.

O uso de determinados produtos de limpeza à base de alvejante ajuda a manter o zelo com seu imóvel. Além disso, algumas soluções caseiras podem te ajudar a se livrar do mofo, como por exemplo o vinagre branco que tem propriedades antibacterianas e antifúngicas. Essa solução consiste em misturar uma colher de chá de bicarbonato de sódio com um copo de vinagre branco, depois basta borrifar nas áreas prejudicadas, deixar agir por 10 minutos e limpar com um pano úmido. É preciso repetir esse processo até que todo o mofo tenha sido removido. Mas cuidado: ao fazer essa solução caseira é preciso ter cuidado para não danificar a pintura do cômodo!

Tenha atenção em armários e roupas

Da mesma maneira que a maresia não poupa nenhum eletrodoméstico ou móvel, os armários e as roupas sofrem com o mofo. Isso acontece porque os armários costumam ficar a maior parte do tempo fechados e, como vimos acima, esse é o ambiente perfeito para o mofo. Esse problema pode ser resolvido com uma limpeza interior com o uso de um pano úmido de vinagre branco.

Além disso, deixar as portas dos armários abertas de vez em quando também é importante para que o ar circule, prevenindo que o mofo apareça não só nos armários, mas também nas roupas guardadas dentro deles. Também é importante que você lembre de deixar as roupas de cama, os cobertores e toalhas no sol com frequência, já que isso evita o cheiro de mofo.

Atenção com os pisos

Resistência e durabilidade são as palavras-chave, por isso atenção e cuidado na hora de escolher o piso! Além da maresia, no caso dos pisos existem outras preocupações que podem prejudicar o material. A areia que vai circular pelo imóvel e a rotina de piso molhado pela constante limpeza são fatores que devem pesar na hora de decidir o material dos pisos do imóvel. A qualidade do material e a estética são outros fatores que também devem ser levados em consideração.

É comum, em imóveis à beira mar, que as pessoas entrem em casa úmidas ou molhadas da praia e até mesmo da piscina do condomínio, por isso uma boa dica é investir em pisos antiderrapantes, em materiais duráveis para o revestimento e até mesmo ter cuidado na hora de escolher a cor do material dos pisos.

Planeje viagens com cuidado

Caso você pense em viajar por um longo período de tempo e ele fique fechado, é importante deixar o apartamento preparado para esse período. É essencial que você faça uma boa limpeza em toda a estrutura, que você cuide de focos de umidade, que guarde suas roupas em embalagens de plástico ou de TNT e as mantenha em armários que não ficarão fechados. 

Ao retornar ao imóvel, o primeiro passo é que você se certifique de limpar muito bem todos os cômodos do imóvel, arejar todos os ambientes, cuidar para focos de água parada e fazer uma boa dedetização para evitar que o lugar fique atraente para os insetos, muito encontrados principalmente em lugares com altas temperaturas, umidade e água em abundância.

Com essas dicas, a Nova Época espera facilitar a vida de quem mora de frente para a praia e mostrar para aqueles que sonham em adquirir um imóvel nesse ambiente que não é nenhum bicho de sete cabeças! E se você também sonha em poder disfrutar de uma linda vista para o mar entre em contato com um dos nossos associados, a Nova Época tem ótimas ofertas de apartamentos na beira mar. Vamos realizar esse sonho juntos!