As mulheres no mercado imobiliário

Elas que até pouco tempo eram vistas como frágeis, responsáveis pela educação dos filhos ou simplesmente donas de casa, hoje ocupam papéis cada vez mais importantes na dinâmica social como líderes mundiais, presidentes de países, executivas em corporações, entre outros cargos de destaque.

A abertura do mercado imobiliário permitiu que as mulheres mostrassem todo o seu talento e capacidade no exercício dessa profissão.

Segundo pesquisa do COFECI (Conselho Federal de Corretores de Imóveis), a participação feminina cresceu 144% na última década. Isso representa mais de 30% do número de profissionais legalmente registrados.

Apesar do preconceito, que ainda teima em aparecer, as mulheres vêm mostrando que o espaço conquistado no mercado imobiliário é mais do que merecido. Alguns pontos ainda merecem atenção, mas o cenário está cada vez mais favorável para a atuação feminina.

O público feminino é o que mais busca se especializar e profissionalizar nas áreas de atuação de sua escolha, e no mercado imobiliário não seria diferente, algumas delas buscam na internet um meio de mostrar o seu trabalho e vender mais, deixando as visitas pessoais para um segundo momento. Elas buscam especializações e maior experiência com outras profissionais que já estão no mercado e tem muito a dizer sobre o assunto. Desta forma, não precisam se expor desde o primeiro contato com o potencial comprador.